• caixa-postal
  • whatsapp_icon
  • Facebook Social Icon
  • Instagram-NovoIcone-Recorte-293x300

Felizes para sempre?

April 26, 2018

Quando a gente casa, quer ser feliz para sempre. O problema é que “ser feliz” é um conceito subjetivo, e “para sempre” é muito tempo. O que me faz feliz hoje pode me aborrecer daqui a um ano. O que me irrita hoje pode ser só alegria daqui a seis meses.  Como encontrar a fórmula para a felicidade a dois? Um bom começo é saber que não existe fórmula. O que se pode buscar é uma harmonia dinâmica, que possa curtir as semelhanças, respeitar as diferenças e se alegrar com o crescimento de cada um.

 

Curtir as semelhanças é a melhor parte, e a mais fácil. Gostar dos mesmos filmes, restaurantes, autores. Talvez vocês tenham se conhecido justamente numa exposição de arte, num jogo de basquete, numa excursão à Índia.

 

As diferenças nem sempre aparecem logo – ou aparecem, mas a gente não leva a sério. Não vê. Pois são justamente as diferenças que nos dão a oportunidade de conhecer melhor o parceiro e principalmente a nós mesmas. Até onde cabe ceder? Ou negociar? Ou por que não fazer programas separados? Perceber e mesmo apreciar as diferenças traz oxigênio para a relação. Dá movimento, cria novidade.

 

Ao longo do tempo a gente muda. Corpo, mente e alma estão em permanente processo de desenvolvimento. Querer parar o tempo é tarefa inútil. Você talvez tenha uma carreira em ascensão, ele talvez descubra a espiritualidade. Cada um vai crescer em uma direção, e este é o maior desafio num casamento. Quando você reconhece sem medo e com alegria as novas conquistas – as suas e as do seu parceiro - abre o caminho para um encontro pleno, profundo, verdadeiro. Que poderá, aí sim, lidar com as eventuais perdas e dificuldades que surgirem. Poderá tomar decisões mais sensatas, conscientes, sábias. Com muito amor.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes

April 26, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square